Ações do governo Edinho reduzem mortes e ampliam fluidez no trânsito - Edinho Silva
Seta topo ações contra a covid-19
Mapa de obras

Ações do governo Edinho reduzem mortes e ampliam fluidez no trânsito

Segundo dados divulgados pelo Infosiga, do Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), o número de óbitos relacionados ao trânsito dos últimos três anos em Araraquara caiu 22% em relação aos três últimos anos do governo anterior. Foram 76 mortes entre 2014 e 2016 contra 59 de 2017 a 2019. O intuito da atual gestão do prefeito Edinho Silva é fazer com que esse número chegue a zero e, para isso, o setor é alvo de muito planejamento e trabalho. A redução é fruto de investimentos em sinalização, fiscalização e punição a motoristas infratores, além de campanhas de educação no trânsito. Confira a seguir algumas das iniciativas que visam transformar as vias de Araraquara em locais mais harmônicos e seguros para motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres:

• Melhorias na sinalização – Para o investimento na sinalização, foi feito um levantamento completo dos principais locais de acidentes. Alguns exemplos são a Avenida Bento de Abreu, próximo à rotatória da CTA, e o cruzamento da Avenida Sete de Setembro com a Rua Voluntários da Pátria, que tinham vários acidentes e receberam semáforos. Os investimentos foram feitos na sinalização horizontal (faixas e marcas feitas sobre o pavimento), vertical (placas) e semafórica, que foi duplicado pela atual administração.

• Implantação de lombofaixas e lombadas – Diversos pontos da cidade, principalmente em áreas próximas a escolas, creches e postos de saúde, com grande fluxo de pessoas, receberam as travessias elevadas, conhecidas como lombofaixas, com o objetivo de aumentar a segurança de pedestres e reduzir atropelamentos. Outros recursos implantados pela atual gestão visando a segurança do pedestre são as lombadas, presentes em todas as regiões da cidade.

• Rebaixamento de guias – Visando melhorar a acessibilidade das pessoas com deficiência, a Prefeitura de Araraquara realiza obras de rebaixamento de guias em diversos pontos da cidade.

• Radares – Os radares, que muitas vezes são criticados pelos motoristas, têm valor fundamental na redução de vítimas fatais. Com os veículos trafegando dentro da velocidade máxima permitida nas vias, os riscos de acidentes diminuem consideravelmente. Além disso, os recursos arrecadados com as multas são revertidos em engenharia de trânsito, fiscalização e educação no trânsito. Assim, retornam em benefícios para o cidadão de Araraquara.

• Melhorias no asfalto – O Município também investe em recapeamento das principais vias da cidade, com foco nos maiores corredores de trânsito e nos locais onde trafega o transporte coletivo. Desde 2017, foram recapeados mais de 75 quilômetros de vias públicas, o equivalente a 750 quarteirões.

• Revitalização de pintura da sinalização – Para garantir mais segurança a motoristas e pedestres, a Prefeitura Municipal, através da Coordenadoria de Mobilidade Urbana, investiu também na pintura das faixas de segurança nas principais vias do município. Os trabalhos de restauração das faixas e sinalização de trânsito, que começaram pela área central, têm a meta de dar mais visibilidade à sinalização e garantir um trânsito mais organizado e, consequentemente, mais seguro.

• Novos agentes de trânsito – A Prefeitura ampliou neste ano o seu quadro de agentes de fiscalização de trânsito, que somam agora 40 profissionais responsáveis por executar a fiscalização de trânsito, autuar e aplicar as medidas administrativas cabíveis por infrações de circulação, estacionamento e parada, além de apoiar a sinalização de obras, eventos e cuidar da fluidez do trânsito, entre várias outras funções.

• Mais estrutura aos agentes de trânsito – Outro investimento acontece na estrutura dos agentes de trânsito. No ano passado, entre veículos e equipamentos, foram entregues quatro motocicletas zero quilômetro Honda XRE 300, capacetes, rádios-portáteis, sinalizadores, baterias, microfones, strobo (luz piscante) para viaturas, entre outros, somando quase R$ 183 mil. Além disso, de fardamento, foram mais de R$ 25 mil, somando assim um valor aproximado de R$ 208 mil.

• Mais recursos – O Município também conquistou, junto ao Governo do Estado, R$ 1.466.810 em recursos para investimento no trânsito da cidade, por meio do programa Movimento Paulista de Segurança no Trânsito. O valor foi aplicado em melhorias no sistema viário do município para reduzir os acidentes de trânsito. Entre as vias melhoradas com esses recursos estão a Avenida Maria Antônia Camargo de Oliveira (Via Expressa) e a Avenida Padre Francisco Salles Colturato (Avenida 36).

• Instalação de contadores regressivos – Todos os meses, a Prefeitura instala 12 contadores regressivos na cidade. Visando um trânsito mais seguro para os pedestres e motoristas, o objetivo é colocar esse equipamento em todos os cruzamentos de Araraquara. A Rua Maurício Galli é um dos exemplos de locais que receberam esse recurso.

• Semáforos com ‘onda verde’ – Com o objetivo de melhorar a fluidez no trânsito, a Coordenadoria Executiva de Mobilidade Urbana implantou um controlador de tráfego inteligente de alta tecnologia em alguns pontos da cidade. A instalação do novo equipamento possibilita a chamada ‘onda verde’ (quando o motorista encontra vários semáforos abertos em sequência).

• Projetos de educação – Entre as iniciativas que visam utilizar a educação para promover valores em torno de um trânsito seguro está o Consetrans (Concurso sobre Segurança e Educação no Trânsito de Araraquara), que leva a segurança no trânsito para as escolas e incentiva os alunos a produzirem trabalhos sobre o tema, e o Guardando o Amanhã, que possibilita que crianças do 4º ano do ensino fundamental tenham acesso a explicações sistematizadas sobre situações no trânsito classificadas como seguras e de risco. Além disso, em 2020 foram distribuídos, nas escolas de ensino fundamental, 12 mil exemplares do jornal que aborda temas como sinalização de trânsito, noções e orientações básicas vivenciadas pela realidade infantil, passatempos como jogos de tabuleiro, caça-palavras, entre outros.

• Arte com conscientização – O grupo teatral Anjos do Trânsito leva pelas ruas de Araraquara a mensagem sobre a importância da direção segura e o respeito no trânsito em formato de teatro, circo e música, conscientizando por meio da arte. Entre os temas tratados pelo grupo estão o alerta contra o uso de celular no trânsito, a importância do cinto de segurança e da cadeirinha, o uso da faixa de pedestres e a conscientização sobre as vagas especiais para idosos e pessoas com deficiência. O grupo também realizou um trabalho de divulgação e de orientação a usuários do transporte coletivo de Araraquara para a melhor utilização do aplicativo ‘Seu Ônibus’.

• Ações do ‘Maio Amarelo’ – Série de iniciativas que visam promover a segurança no trânsito. O mês se tornou a referência mundial para o tema porque em 11 de maio de 2011 a ONU (Organização das Nações Unidas) definiu o período de 2011 a 2020 como a ‘Década de Ações para a Segurança no Trânsito’. Já o amarelo foi adotado em alusão ao sinal de atenção dos semáforos, portanto a ideia é discutir a ‘atenção pela vida’. Em Araraquara, agentes de trânsito e apoiadores do movimento fazem blitz informativas nos principais pontos da cidade, com distribuição de panfletos contendo dicas sobre segurança no trânsito. Além disso, são realizados intervenções teatrais, palestras e encontros. Durante esse mês, o Paço Municipal fica iluminado de amarelo para conscientizar o público sobre o tema.

• Semana Nacional de Trânsito – Durante uma semana do mês de setembro, outras ações são realizadas com ênfase na educação, visando reduzir os acidentes envolvendo as crianças em situação de pedestres em travessias de vias e saídas de escolas.

• Preocupação com motociclistas – A ‘Campanha pela Paz no Trânsito’ tem o objetivo de diminuir os índices de acidentes envolvendo, principalmente, motociclistas, pois eles costumam ser as principais vítimas de acidentes no trânsito. A ação envolve distribuição de material informativo, palestras, vídeo e ações em redes sociais, além de intervenções artísticas em diferentes pontos da cidade com o grupo Anjos do Trânsito, que também realiza ações em grandes empresas da cidade. Além disso, em junho deste ano, os cruzamentos da cidade passaram a receber faixas de parada exclusiva para motos.

• Programa ‘Respeito à Vida’ – Trata-se de um resultado de um convênio firmado pela Prefeitura com o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP). O objetivo é a melhoria das condições de segurança do trânsito, com foco na redução dos acidentes. Foram investidos neste programa cerca de R$ 1,9 milhão, sendo pouco mais de R$ 1,5 milhão recursos estaduais e quase R$ 450 mil a título de contrapartida oriundos de recursos do município.

• Campanha por uso regular da seta – A ação foi realizada com a distribuição de panfletos temáticos nos principais corredores de trânsito da cidade, além da exposição de faixas, para orientação de motoristas.

• Pátio Municipal de Veículos – A Prefeitura Municipal colocou em funcionamento o Pátio Municipal de recolhimento e estadia de veículos irregulares resultantes da constatação de abandono em vias públicas ou de infrações de trânsito. O Município firmou convênio com o Detran de São Paulo e licitou os serviços por meio de concorrência pública. Trata-se de uma conquista importante, pois desde a desativação do pátio zero, Araraquara não possuía um pátio oficial para o recolhimento de veículos. Os pátios de recolhimento particulares funcionavam de maneira precária e sem o atendimento adequado dos serviços.

WhatsApp Edinho Prefeito