Horta comunitária no Oitis recebe visita de Edinho Silva - Edinho Silva
Seta topo ações contra a covid-19
SCROLL

Horta comunitária no Oitis recebe visita de Edinho Silva

O prefeito Edinho Silva visitou, na manhã desta quinta-feira (20) a Horta Urbana Comunitária ‘Colhendo Dignidade’, no Residencial dos Oitis. A horta foi iniciada em meados de julho, com a mobilização dos voluntários, assim como o preparo e cercamento do terreno, que contou com o apoio da Secretaria de Obras e do Daae. Com isso, já foi possível iniciar o cultivo, com a previsão da primeira colheita em 40 dias.

“É mais um projeto social no Oitis. Desde que assumimos a Prefeitura em 2017, temos investido muito no Oitis, para que esse povo tenha qualidade de vida, para que seja respeitado e para que projetos sociais ocorram aqui. Eles estão ocorrendo nas áreas de esporte, cultura, assistência e agora fomentando o cooperativismo”, explicou Edinho.

A horta, que conta com o trabalho de dez moradores do residencial, ocupa um espaço onde já havia algumas árvores e plantas frutíferas, o que possibilitou implantá-la no sistema integrado de agrofloresta, preservando o ambiente e com ganhos de produção. Em praticamente um mês de trabalho a horta já está cercada e conta com um viveiro de mudas já coberto. Este é o resultado do trabalho intersetorial e comunitário que teve como base o Curso de Capacitação em Agroecologia, assim como o apoio técnico da Prefeitura. Os recursos deste projeto são municipais, e foram investidos, até o momento, cerca de R$ 10 mil.

O programa faz parte da estratégia ‘Somos Todos Oitis’, no qual estão previstas ações integradas de diversas secretarias municipais, incluindo ações da Coordenadoria de Economia Criativa e Solidária. “Hoje essa região ainda tem problemas, mas é uma outra região e a comunidade sabe disso. Graças a eles terem acreditado e terem vindo para os programas que a Prefeitura trouxe para cá”, acrescentou.

O programa

Criado no ano passado, o programa ‘Colhendo Dignidade’ é uma ação intersetorial coordenada pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, por meio da Coordenadoria de Segurança Alimentar, em parceria com o Daae. O objetivo principal é produzir hortifrútis, garantindo o acesso aos alimentos às pessoas integrantes dos projetos localizados em bairros com alto índice de vulnerabilidade social do município, além de ser um instrumento de integração social dos moradores dos bairros com os Cras e as unidades básicas de saúde.

Toda a produção é orgânica e agroecológica, ou seja, sem a utilização de defensivos químicos, o que é fundamental para a saúde. Todo esse trabalho, além de garantir uma alimentação saudável e nutritiva, possibilita uma melhora do bem-estar psicológico proporcionado pelo manuseio da terra, sobretudo nestes tempos de pandemia, além de resgatar a dignidade das pessoas, melhorando a qualidade de vida como um todo.

Esta é a segunda horta do projeto. A primeira fica no Jardim São Rafael e teve início em 2019, com a participação de 25 moradores. “É um projeto fantástico, não só de melhoria de qualidade alimentar, de ocupação de uma área que estava sendo objeto de lixo, de entulho, mas também é um projeto que fomenta a cidadania e valoriza a organização da comunidade. E esse projeto vai crescer. Além do São Rafael e do Oitis, queremos, de imediato, que ele ocorra em seis regiões de Araraquara”, revelou o prefeito.

WhatsApp Edinho Prefeito